Brandão assume que sobrinho-secretário estava na cena do crime do Tech Office

O governador Carlos Brandão confirmou ao vivo, que seu sobrinho Daniel Brandão, estava na cena do crime do edifício Tech Office, em São Luís, em agosto. A confirmação foi feita pelo governador-tampão durante o debate da TV Mirante, nesta terça-feira (27). Ele confirmou que Daniel Brandão estava no local do crime e disse que ele “apenas passou por lá”.

Sobre o pagamento suspeito de corrupção envolvendo a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), o governador disse que o governo fez vários pagamentos antigos e este tinha sido obrigado pelo Ministério Público do Trabalho.

Brandão disse que o secretário de segurança tomou todas as providências. O governador disse ainda que a Secretária de Educação lhe deu todas as explicações.

Brandão admitiu também que o nome do seu sobrinho não está no inquérito. Assim, ele agora admite que o sistema de segurança sabia da presença de Daniel e escondeu seu nome em todo o inquérito. Agora, o sistema de segurança precisará se manifestar

Do Blog do Clodoaldo Corrêa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.