PSB confirma candidaturas de Bira e professora Letícia Cardoso a prefeito e vice-prefeita de São Luís

Com o slogan “É mais São Luís! É outra história!”, a convenção municipal do Partido Socialista Brasileiro (PSB) confirmou o nome do deputado Bira do Pindaré (PSB), como candidato a prefeito de São Luís e o nome da professora da UFMA, Letícia Cardoso como candidata a vice-prefeita.

Realizada no Espaço Orienta, no Renascença, transmitida ao vivo pelas redes sociais do partido e respeitando todos os protocolos sanitários, que permite o máximo de 100 pessoas em eventos, além do distanciamento e uso de máscara por todos os presentes, a convenção foi fechada apenas para os convencionais.

Além de confirmar o nome de Bira, o encontro partidário apresentou a todos o nome de Letícia Cardoso como companheira da chapa socialista para as eleições do próximo dia 15 de novembro. Professora do curso de Comunicação da UFMA, Letícia, que está no oitavo mês de gestação do segundo filho, é pesquisadora nas áreas de cultura, política e comunicação e gênero e defensora de lutas de identidade, direitos humanos, feminismo e às minorias sociais. Como bem definiu na sua fala, veio da academia para contribuir com um projeto ‘coerente em prol das causas sociais’

“Sou do campo da pesquisa, da educação, mas também das lutas pelas causas sociais e vim para somar com esse projeto, porque acredito na trajetória ética, coerente e íntegra de Bira em prol dessas causas. Da causa das minorias, da diversidade, do bem comum. Algo que já faço no meu trabalho e nas minhas lutas”, ressaltou.

Ao discursar e apresentar sua candidatura e de Letícia Cardoso, Bira enfatizou o projeto de candidatura vinda das bases, do povo, em contraponto com as demais candidaturas que se apresentam em São Luís. “Eles podem ter o dinheiro, os sobrenomes, os apoios políticos que tiverem, mas ninguém mais do que nos tem a representatividade e identidade da gente que vive na cidade, que conhece seus problemas porque viveu e vivem eles. Essa é grande diferença da nossa candidatura, é uma candidatura que vem das bases”, enfatizou.

O agora candidato a prefeito de São Luís também ressaltou a disposição para a campanha que terá início no próximo dia 27 de setembro. “Vamos fazer uma campanha da mesma forma que sempre fizemos, com o pé no chão, pedindo apenas o voto da consciência e do coração. Vamos caminhar 300km na nossa São Luís, como sempre fizemos, seja como militante social, candidato ou parlamentar de três mandatos”, completou.

Apoios
As candidaturas de Bira e Letícia foram homologadas e aclamadas sob o apoio e falas de lideranças comunitárias, partidárias e de movimentos sociais. “O companheiro Bira tem a nossa preferência e a prioridade do PSB nacional como candidato e próximo prefeito de São Luís”, garantiu o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira em mensagem gravada e reproduzida na convenção.

Bira e professora Letícia Cardoso foram confirmados como candidatos a prefeito e vice-prefeita (Fotos: Divulgação)

Assessora da Pastoral da Juventude de São Luís, a jovem Negga Flor destacou a caminhada e a identidade de Bira com as lutas sociais, enfatizando a sua trajetória como militante pastoral e social e homem público que veio da periferia e dos movimentos. “Bira tem base, tem identidade com as nossas lutas. As lutas da juventude, das comunidades, as lutas do povo. Por isso, sabemos que é o melhor para São Luís, porque sabe das nossas causas, que também são suas causas”, ressaltou.

Quem também reforçou o apoio a candidatura de Bira, foi o presidente estadual do PSB, Luciano Leitoa, que participou de forma presencial da convenção e reiterou as qualidades do socialista para reforçar o apoio da legenda na esfera estadual. “Bira viveu e vive São Luís, conhece São Luís, conhece as pessoas e as suas lutas. Por isso é que reafirmo que Bira é o candidato a prefeito de São Luís”, ressaltou.

Vereadores
A convenção municipal do PSB também confirmou e homologou os nomes de candidatos e candidatas a uma das cadeiras da Câmara Municipal de São Luís. Com 40 nomes, a chapa de vereadores socialista é formada na sua maioria (60%) por pretos e pretas, com 30% formada por mulheres e 5% por LGBTQIA+.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *