Sampaio Corrêa empata com Náutico e adia sonho do quarto título nacional

O Sampaio Corrêa ficou no empate em 2 a 2 com o Náutico, neste domingo (6), em São Luís e adiou o sonho de mais um título nacional. Mesmo sem poder soltar o grito de campeão, a torcida, que compareceu em grande número ao estádio Castelão, apoiou o time durante os 90 minutos de jogo e aplaudiu a equipe ao final da partida, num claro reconhecimento pela performance da equipe ao longo de toda a temporada.

O Sampaio abriu o placar aos 14 minutos do primeiro tempo, com Everton, em articulação pela esquerda e batida com a perna direita, no canto.

Clima favorável para buscar o segundo gol, em um primeiro tempo que o Náutico se limitou a montar guarda no campo de defesa. O placar mínimo ficou estabelecido nos primeiros 45 minutos.

Na volta do segundo tempo, o Sampaio levou um golpe muito cedo. Logo aos 7 minutos,

O placar de 1 a 1 permaneceu durante grande parte do segundo tempo. Quando o jogo já entrava nos minutos finais, Salatiel deixou o sonho do tetracampeonato vivo, ao escorar para as redes o cruzamento de Esquerdinha, aos 39 minutos. Explosão no Castelão. Restava um, e a Bolívia foi pra cima, empurrada pela euforia da torcida. No entanto, o clima foi quebrado por uma nova igualdade dois minutos depois. Aos 41 minutos, Matheus Carvalho deixou tudo igual.

Restava pouco tempo, e o Sampaio se utilizou dele para fazer o que lhe restava: atacar em busca de gols. Bola no travessão, milagre do goleiro, pressão até o fim. Mas, não deu. O tetra ficou para depois.

Agora é preparar-se para a disputa da Série B no ano que vem, conquista alcançada por uma equipe que mereceu aplausos da torcida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.