Bira propõe alternativas viáveis para zerar fila de marcação de consultas e exames, em São Luís

As longas filas e espera para marcação de consultas e exames em São Luís, foi a principal pauta de discussão em mais um importante debate do o movimento ‘Pense São Luís’, nesta quarta-feira (29). Coordenado pelo pré-candidato a prefeito Bira do Pindaré (PSB), o movimento tem debatido, através de eventos transmitidos pelas redes sociais, estratégias que possibilitem uma São Luís mais bela, mais humana, mais justa e com direitos garantidos a todos e todas.

No debate desta quarta-feira, Bira dialogou com os pré-candidatos a vereador pelo PSB, Ribamar Luzo, Frazão Oliveira e Sousa. A temática da saúde foi destaque na discussão dos pré-candidatos, que apontaram a questão das dificuldades enfrentadas pela população ludovicense para marcar consultas e exames, em São Luís. Sobre esse problema, Bira propôs ações urgentes para zerar a fila de marcação de consulta na capital maranhense.

“Vamos zerar a fila de marcação de consultas e exames já nos três primeiros meses de gestão”, garantiu Bira. O pré-candidato do PSB apontou ações que serão colocadas em prática em uma possível gestão à frente da prefeitura de São Luís, para tornar possível a solução para o problema.

“Para resolver essa questão, basta ter uma gestão eficiente do serviço de marcação de consultas e exames. Como? Descentralizando o atendimento através da ampliação dos postos de marcação, aproximando-os cada vez mais da população, como por exemplo, inserir um posto dentro dos terminais de integração, por onde passa grande parte da população de São Luís”, explicou.

“Outra alternativa viável e que vamos colocar em prática, é possibilitar a marcação de consultas e exames através do celular, pelo WhatsApp ou por um aplicativo específico”, completou Bira.

Conferência da Cidade

Outro tema debatido pelos pré-candidatos foi a questão da participação efetiva da população no planejamento e desenvolvimento das políticas públicas executadas pela gestão municipal. Para essa questão, discutiram a necessidade de inserir as pessoas no processo de discussão de elaboração do Plano Plurianual, que define as prioridades em ações a ser executadas pela prefeitura. Bira propôs a realização já no primeiro ano de gestão, do primeiro Congresso da Cidade, que vai possibilitar um planejamento estratégico e participativo das políticas públicas a serem executadas pela gestão municipal.

“A nossa ideia é que o Congresso da Cidade seja quadrienal, ou seja, a cada quatro anos, a cada quatro anos, a cidade se reúne e decide os seus caminhos, de maneira participativa com um planejamento consistente, que realmente atenda aos anseios da população”, ressaltou.

Pense São Luís
O Movimento ‘Pense São Luís’ foi criado para dialogar com a população ludovicense e especialistas sobre os desafios e soluções para a capital. Para ele, o movimento é um canal de diálogo aberto e direto com a população. “Continuaremos olhando nos olhos das pessoas, ouvindo as reivindicações e lutando junto por uma cidade cada vez mais bela, mais humana, mais justa e com direitos garantidos a todos e todas”, assegurou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *