Maranhão fecha 1º semestre de 2023 com a criação de quase 15 mil empregos formais

Na última quinta-feira (27), o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, divulgou os dados de empregos do mês de junho e consolida saldo positivo do Maranhão na geração de vagas formais no primeiro semestre, alcançando a marca de 14.468. Somente no mês de junho, também em decorrência das festividades juninas, o Estado gerou 4.889 vagas formais de emprego.

Outro dado importante é que, no acumulado do ano, relativo aos seis primeiros meses, o Maranhão soma 14.468 vagas formais, considerando 123,9 mil admissões e 109,5 mil desligamentos. Já tendo como referência os últimos 12 meses, o Estado acumula 32 mil empregos. O Maranhão é o quarto Estado do Nordeste entre os que mais geraram emprego em junho. Ao todo, a região registrou 33,6 mil.

As atividades econômicas que apresentaram resultado positivo em junho de 2023 no Maranhão, foram: o setor de Indústria, com saldo de 1.273, seguido pelo setor de Comércio (1.159), Construção (1.042), Serviços (957) e Agropecuária (458).

Os números do semestre apontam um aumento continuo das vagas por mês, confira: Janeiro – saldo de vagas – 1.236; Fevereiro – saldo de vagas – 85; Março – saldo de vagas – 2.759; Abril – saldo de vagas – 2.202; Maio – saldo de vagas – 2.422; e, Junho – saldo de vagas – 4.889.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.