PSB e PSOL discutem aliança para as eleições 2020, em São Luís

Com o tema Eleições 2020 em pauta, lideranças do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) de São Luís, reuniram-se nesta terça-feira (7). Com iniciativa do PSB, que tem o deputado federal Bira do Pindaré como pré-candidato a prefeito de São Luís, o encontro discutiu uma possível aliança entre as duas legendas nas eleições desse ano na capital maranhense.

De acordo com o próprio Bira do Pindaré, a possível aliança é pautada em um alinhamento já existente entre os dos dois partidos na conjuntura nacional, mas também sobre um programa comum para a cidade e, uma vez, firmado, vai coordenar todo o processo de campanha, majoritário e proporcional.

“Foi um diálogo muito importante e frutífero, uma vez que já temos um bom alinhamento em nível nacional, dentro do campo de oposição, das esquerdas e é um sinal positivo de unificação das esquerdas, também em São Luís”, ressaltou o deputado.

Além de Bira do Pindaré, participaram da reunião também: Nelson Brito (PSB), Paulo Jorge (PSB), Luiz Carlos Noleto (PSOL) e Franklin Douglas (PSOL). Após a reunião, as lideranças psolistas levarão a proposta de aliança dos socialistas para discutir com a base.

De acordo com Douglas, que é presidente do PSOL, em São Luís, o partido defende a formação de um campo de esquerda, que inclua PSB, PCB, PT e PSOL, em 2020 e também em 2022.

“Dar um passo já em 2020, em São Luís, é bastante simbólico. Vamos levar à instância partidária, a proposta do PSB de coligar-se com o PSOL, inclusive disponibilizando espaço na chapa majoritária. A partir do debate interno, definiremos a posição do partido”, comentou.

Franklin e Noleto são os dois nomes cogitados no PSOL para uma possível disputa à prefeitura de São Luís.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *