Estudante bernardense com inteligência acima do comum é premiado pelo ITA e já é considerado como um ‘prodígio’ internacionalcionalmente

Gildean Farias (com informações do Portal G1 Maranhão)

O estudante bernardense Valdemiro Brito Gomes, rede pública de São Bernardo, tem se destacado nacional e internacionalmente pela sua inteligência acima do comum. Com apenas 14 anos, o aluno Escola Municipal Vereador Rubenito Silva Couto, no Povoado Coqueiro, já recebeu diversas premiações e foi medalhista na Mostra Brasileira de Foguetes. Valdemiro mora no Povoado Corisco e atualmente está no 8º ano.

Dentre as várias conquistas que o estudante bernardense já teve, a mais recentemente foi o Prêmio AEITA Sócios-Mirins 2023 do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), instituição de ensino superior pública da Força Aérea Brasileira, vinculada ao Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial.

Valdemiro Brito tem apenas 14 anos, mas já é destaque pela inteligência acima do comum — Foto: Arquivo pessoal

“Na escola, ele é o representante das turmas do 6º ao 9º ano e gosta de participar não apenas das atividades curriculares, mas também extracurriculares. Ou seja, não apenas conhecimentos referente às disciplinas, mas de outras coisas fora da escola, como eventos científicos”, afirma orgulhosa a Gabriela Brito, prima de Valdemiro.

O prêmio é um projeto da Associação dos Engenheiros do ITA (AEITA), que seleciona anualmente crianças e adolescentes que sejam destaque em áreas relacionadas a Ciências, Engenharia e Inventividade, em especial a temas ligados ao setor aeroespacial ou tecnológico.

Com a premiação, Valdemiro se tornou embaixador da Associação dos Engenheiros do ITA e poderá conhecer de perto o polo aeroespacial brasileiro, em São José dos Campos.

Acostumado a ajudar o avós em casa, ir à igreja e depois ir para a escola, Valdemiro gosta de estudar e jogar vôlei com os amigos. Na rotina que concilia lazer e estudos, aos poucos o estudante foi de destacando com uma inteligência acima do comum, principalmente na área de exatas.

“O Valdemiro sempre foi muito interessado e estudioso. Uma pena que nós somos de baixa renda e não temos muitas condições de ajudar ele, mas tenho fé em Deus que ele vai chegar onde quer”, conta a tia, Maria Odete.

Atualmente, além líder do jornal da escola, Valdemiro ostenta uma medalha de prata na Mostra Brasileira de Foguetes, além de ser um dos participantes do Caça Asteroides, um programa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), em parceria com o International Astronomical Search Collaboration (IASC/NASA Partner), que dá a cidadãos voluntários a oportunidade de colaborar com a descoberta de astros celestes.

Em outra premiação neste ano, Valdemiro também foi reconhecido com o Prêmio “International Star Kids Awards”, que reconhece e celebra crianças excepcionalmente talentosas de todo o mundo em diversas áreas, como música, dança, esportes e artes.

O estudante foi reconhecido como prodígio pela dedicação e habilidades, consideradas ‘notáveis’.

Escola Municipal U. I. Ver. Rubenito Silva Coutom, onde Valdemiro estuda — Foto: Gerson Ricardo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.